Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2015

A MÍDIA COMPROMETIDA COM GOVERNOS INTERESSEIROS

Imagem
Como O Flu é uma mídia que não lemos, comprometida com todos os péssimos governos que vimos tendo nos últimos anos, só ontem, 24.10, vimos matéria que publicada em caderno especial dias 11/12, duas semanas atrás que estava, por acaso, encostado em pilhas em estabelecimento comercial. E sem mais surpresa nos deparamos com descarada propaganda do Governo Rodrigo Neves carente de veracidade, para variar. Basta ler o primeiro parágrafo e com a primeira mentira para sequer ter vontade de ler o resto. "Para tornar Niterói uma cidade mais sustentável, a nova (NOVA?!) gestão da Prefeitura vem tratando o uso da bicicleta como meio de transporte como uma prioridade".  Mentira. Mentira deslavada. Quem pedala nesta cidade sabe, e ouvimos e lemos constantemente depoimentos de MUITOS ciclistas de Niterói só reclamando dos "ditos" feitos. Só quem diz 'Maravilha' são depoimentos em matérias pagas da Prefeitura. As vias não oferecem a menor segurança aos ciclistas e posam de

PROPAGANDA ENGANOSA IMPERA NO QUESITO MOBILIDADE

Imagem
A Prefeitura de Niterói poderia ganhar o prêmio Guinness pela maior quantidade de mentiras que propõe com a maior desfaçatez à população niteroiense. Os Planos de Mobilidade não emperram, conforme anuncia O Globo deste domingo 04 de outubro de 2015, simplesmente porque NÃO HÁ PLANO DE MOBILIDADE algum. O que o governo de Rodrigo Neves faz são propostas pontuais e aleatórias, muito longe do que poderia se chamar de PLANO. Além da propaganda paga no mesmo Caderno falando sobre Segurança, ilustrada com a imagem de ciclistas, o que só poderia ser considerado como uma afronta aos ciclistas, um chiste, uma piada de muito mau gosto. Afinal na mesma edição do dito jornal há fotos da largura exígua da ditas ciclofaixas, além de previsão da instalação da pista definitiva no meio da rua Marquês de Paraná. Ora, como conciliar com a matéria sobre o "Plano de Mobilidade" onde citam previsão de VLT (veículo leve sobre trilhos) de Charitas ao Centro que deveria correr no mesmo MEIO da rua Ma

Carlos Vainer “Estão destruindo as cidades”

Imagem
Compartilhamos matéria do Boletim do CAU - 30 de setembro de 2015: Entrevista: Carlos Vainer “Estão destruindo as cidades” Para o sociólogo, arquitetos e urbanistas têm papel fundamental na construção de cidades mais inclusivas e igualitárias   A sequência de entrevistas com arquitetos e urbanistas foi interrompida nesta edição do Boletim do CAU/RJ para dar lugar a uma conversa com o sociólogo e economista Carlos Vainer. A escolha não é por acaso. Vainer traz o conceito de exceção aplicado às cidades que beneficiam grupos particulares em detrimento do interesse público, às vezes, ignorando legislações urbanísticas. Professor titular do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano da UFRJ e coordenador da Rede de Observatórios de Conflitos Urbanos, Vainer falou sobre os impactos dos Jogos Olímpicos na cidade, a remoção da Vila Autódromo e o papel dos arquitetos e urbanistas para a construção de uma cidade mais inclusiva. Ele é um dos convidados do 4º Encontro CAU/RJ