Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2011

Nota Técnica do IAB sobre o Cinema Icaraí

IAB - NLM 29.04.2011 Mais do que uma atitude romântica ou saudosista, a preservação dos imóveis, ambientes ou paisagens numa cidade atende à necessidade do ser humano, como integrante de um grupo social, de salvaguardar sua identidade. É através da preservação da sua história, aquela que abriga suas referências e que deve ser passada aos seus descendentes, que o cidadão fortalece sua identidade. Num ato, no mínimo, de distanciamento ou talvez de distração daquilo que é caro à população de Niterói, em 2006 a Câmara de Vereadores, a revelia da manifestação do Conselho Municipal de Proteção do Patrimônio Cultural - CMPC aprovou a Lei 2381/06 e alterou o tombamento que protegia o Cinema Icaraí desde 2001. Naquela ocasião o Conselho identificou e apontou os efeitos desastrosos da aplicação dos dispositivos contidos na Lei, pois a alteração volumétrica aí permitida aniquilaria a imagem do bem, suporte material dos valores intangíveis que este encerra. A referida Lei explicitamente favorece o

Obsolescência Programada

Imagem
parte II  http://www.youtube.com/watch?v=5NabKjz2tRs&NR=1 parte III  http://www.youtube.com/watch?v=wktPVUtFZIM&feature=related parte IV  http://www.youtube.com/watch?v=dVx7z3aD5Kg&feature=related

Caio Martins, Niterói: Sede Olímpica da Construção em Altura?

do blog abeiradourbanismo de Pedro Jorgensen Jr " DESDE QUE VOLTEI a residir em Niterói, minha cidade natal, há cerca de dezoito meses, não parei de intrigar-me com o destino no Complexo Desportivo Caio Martins, onde passo todos os dias a caminho de casa. Ocupando o equivalente a quatro quadras na região mais valorizada da cidade, o Caio Martins é um estranho conjunto esportivo com um ginásio circular e uma piscina olímpica onde quase nada de relevante acontece e um estádio de futebol semi-abandonado cuja maior serventia talvez seja proporcionar, com seus longos muros e arquibancadas projetadas sobre a calçada, o abrigo e privacidade a que têm direito, como qualquer um de nós, os sem-teto que a habitam cronicamente – não me espantaria que os atuais fossem desabrigados do Morro do Bumba ainda à espera de uma solução. O contraste é evidente, uma vez que ao redor do Caio Martins a cidade se renova ao preço de até R$ 6.000,00 o m2 residencial construído, com intensidades de ocupação q

Depois de determinação judicial, empresa deve preservar o Cinema Icaraí

Jornal do Brasil   Hoje às 12h37  - Atualizada hoje às 12h39 Em uma ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, a Justiça determinou que a empresa Kopex - Administração e Negócios Ltda. apresente em 10 dias um projeto para impedir o acesso de  moradores  de rua à marquise do Cinema Icaraí. A multa diária para o descumprimento da ordem judicial é de R$ 10 mil. Punição idêntica será aplicada, caso a empresa não comprove, no prazo de 60 dias, a elaboração do projeto de restauração da fachada do  imóvel . A decisão da juíza Fabiana de Castro, da 4ª Vara Cível de Niterói, atende ao pedido de liminar feito na ação do Promotor de Justiça Luciano Mattos, Titular da Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Defesa do Meio Ambiente e do Patrimônio Cultural do Núcleo Niterói. "Tem sido intensa a luta do Ministério Público e da sociedade para preservar o Cinema Icaraí. A omissão em preservar o imóvel atende apenas aos interesses dos que querem destruir o

Fundação Geonit é oficialmente extinta pela Prefeitura de Niterói

n'OFluminense p or: Karina Fernandes 26/04/2011 Órgão iria mapear encostas e possíveis áreas de risco. No seu lugar será criada a Subsecretaria de Geotécnica, porém, sua finalidade está sendo analisada pelo Executivo A Prefeitura de Niterói oficializou, nesta terça-feira, a revogação da lei que criava a Fundação Instituto de Geotécnica do Município de Niterói (Geonit) e a alteração da estrutura da Secretaria Municipal de Urbanismo. A nova lei determina a extinção do órgão e a criação da Subsecretaria de Geotécnica. As atribuições da nova subsecretaria e os nomes do subsecretário e sua equipe serão determinados por um decreto do Executivo, que ainda não tem data para ser publicado. De acordo com a mensagem encaminhada pelo governo municipal à Câmara dos Vereadores solicitando a instituição do órgão, a função da Geonit seria a de “promover, através de estudos técnicos detalhados, o mapeamento geológico-geotécnico das encostas e áreas de risco existentes no município de Niterói, de m

Caminhada e abraço coletivo contra venda e derrubada do Caio Martins

n'OGlobo por  Aline Rios   -   26.04.2011 Indignados com a notícia da venda e derrubada do Caio Martins para a construção de um condomínio, a população de Niterói se mobiliza nas redes sociais contra o projeto e organiza para o dia 15 uma caminhada e um abraço coletivo ao complexo esportivo para chamar a atenção das autoridades e de outros moradores. Desde a semana passada, quando foi divulgada a notícia de que o Governo do Estado pode vender o terreno para a iniciativa privada construir um condomínio, milhares de pessoas utilizaram o Facebook, o Orkut e o Twitter para se organizarem e discutirem formas de protesto. A revolta da população já causou uma resposta do poder público.  Na noite de ontem, os vereadores de Niterói aprovaram em primeira discussão o projeto de lei que prevê o tombamento do complexo, de autoria dos vereadores Luiz Carlos Gallo e José Antonio Zaff. Em um email enviado ao vereador João Gustavo, o governador Sérgio Cabral diz que a badalada venda da área se trat

Niterói vai ganhar ciclovia ligando bairro do Barreto ao Gragoatá

n'OFluminense p or Pamela Araujo 24/04/2011 Após a implantação, nos últimos meses, de duas ciclofaixas nos bairros de Icaraí, São Francisco e Charitas, novo projeto pretende ampliar a malha cicloviária da cidade Niterói vai ganhar uma ciclovia ligando o bairro do Barreto ao Gragoatá. Após a implantação, nos últimos meses, de duas ciclofaixas nos bairros de Icaraí, São Francisco e Charitas, com aproximadamente oito quilômetros de extensão, um projeto desenvolvido pelo Governo do Estado em parceria com a Niterói Trânsito e Transportes S/A (NitTrans) pretende ampliar a malha cicloviária da cidade. O projeto foi apresentado por Mauro Tavares, responsável pelo Programa Rio Estado da Bicicleta da Secretaria estadual de Transportes, durante o 1º Seminário de Mobilidade Urbana Sustentável de Niterói, que aconteceu entre os dias 14 e 16, no La Salle. Ele prevê a construção de uma ciclovia de 7,3 km, que ligará os bairros do Barreto, na Zona Norte, e Gragoatá, na Zona Sul, passando pelas Bar

Governo do Rio promete construir nova arena para substituir o Caio Martins, mas em outra área de Niterói

Imagem
no Extra por  Diogo Dantas  20/04/2011 às 14:07 tualizado em Caio Martins foto: Gustavo Azevedo A Secretária estadual de Esporte e Lazer do Rio, Márcia Lins, afirmou hoje, em entrevista ao Extra, que o complexo do Caio Martins será substituído por uma nova e moderna arena esportiva em Niterói. O novo local poderá servir de preparação de equipes de futebol para a Copa de 2014 e também modalidades olímpicas disputadas nos Jogos de 2016. A área que o estádio ocupa hoje, no bairro de Icaraí, passará por um processo de reurbanização, e poderá ser vendida à iniciativa privada. - Serão duas abordagens. A construção de uma arena esportiva moderna, como legado para a Copa e as Olimpíadas, e abrir discussão com autoridades locais e comunidade para revitalizar a área hoje ocupada pelo Caio Martins. Essa área ou ficaria sob administração do Governo ou de alguma parceria com a prefeitura de Niterói, através da iniciativa privada - explicou a secretária. Márcia Lins deixou claro que o Caio Martins c

Audiências sobre Oásis, Caio Martins e Cinema Icaraí...

Câmara de Niterói aprova novas audiências para debate com a sociedade Quarta-feira, 20 de abril de 2011 Em sessão plenária realizada na manhã desta quarta-feira, 20, a Câmara de Vereadores aprovou a realização de novas audiências públicas. Os temas que serão discutidos passam pela construção de prédios, pela proposta de venda do Complexo do Caio Martins , a realização do carnaval de 2012, e a transformação do prédio dos Correios em escola técnica. Por iniciativa do vereador Vitor Junior (PT) a licença para construção do Condomínio Oásis, em Camboinhas, com 648 novas unidades, será discutida em audiência a ser realizada no próprio bairro. Os vereadores estão preocupados com o aumento de cerca de um terço de habitantes na área após a concretização do empreendimento . Já os vereadores Paulo Bagueira (PPS) e Carlos Magaldi (PP) conseguiram aprovar a realização de audiência pública para debater a organização do carnaval da cidade. Na semana passada, os dois vereadores, acompanhados do col

Justiça intima proprietária do Cinema Icaraí

Imagem
n'OGlobo  por Flávia Milhorance  -   23/4/2011   A Justiça acatou o pedido do Ministério Público (MP) estadual, que ajuizou ação civil pública contra a Kopex, proprietária do Cinema Icaraí. A decisão da juíza da 4 Vara Cível de Niterói, Fabiana de Castro Pereira Soares, determina que a empresa apresente, num prazo de três meses a contar da notificação , um projeto de restauração da fachada do imóvel localizado na Praia de Icaraí, sob pena de multa diária de R$ 10 mil. Também sob pena de multa de mesmo valor, a Kopex terá que manter a vigilância do imóvel, impedindo o acesso de pessoas não autorizadas, como moradores de rua que ocupam sua marquise. O promotor Luciano Mattos, titular da Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Defesa do Meio Ambiente, afirma que é de longa data a condição de abandono em que se situa o imóvel, e sua utilização como abrigo aos moradores de rua. — Isso, evidentemente, tem trazido, além dos óbvios prejuízos ao prédio, transtornos à garantia de segura

Prefeitura envia metas 2012 para a Câmara

n'OGlobo por Isabel de Araujo  -  23/4/2011  -  A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) que determina as metas da prefeitura de Niterói a serem cumpridas no ano de 2012 foi enviada à Câmara dos Vereadores na última terça-feira. Há diversas iniciativas para melhorar a fluidez do trânsito, como a construção de 28.800 metros quadrados de pistas seletivas e alargamento de oito mil metros quadrados de ruas. A conclusão do Caminho Niemeyer recebeu atenção, e a meta é retomar 25% obras. A cidade vai ganhar também um espaço cultural multiuso, com teatro, cinema e biblioteca. No Esporte, deverão ser recuperadas 25 áreas públicas e pretende-se construir uma vila olímpica.  A pedido do GLOBO-Niterói, o professor de Finanças Públicas e Orçamento Público da Universidade Federal Fluminense, Carlos Cova, analisou o texto. Apesar de projetos de grande relevância para o desenvolvimento da cidade, ele chamou atenção para a falta de clareza das propostas. Segundo ele, o texto usa como unidade de medi